Weby shortcut
Icone Instagram
Icone Linkedin
Icone YouTube
Universidade Federal de Goiás
Seu Armando

"Uai, sô!" Venha conhecer o goianês com o Armando

Criada em 12/12/18 16:18. Atualizada em 12/12/18 16:41.

O servidor Armando Honório e seu colega Ismael David criaram o e-book que cataloga mais de 300 expressões goianas

Patrícia da Veiga

Armando Honório da Silva e Ismael David Nogueira, ambos servidores técnico-administrativos aposentados da Universidade Federal de Goiás (UFG), reuniram quatro mil palavras e 300 expressões pronunciadas pelos goianos em um livro eletrônico, com acesso gratuito pela internet. Termos e expressões do coloquial do cotidiano da zona rural no Brasil Central no século XX é o título do trabalho que tem o objetivo de registrar e preservar a memória popular.

O dicionário pode ser bastante útil, sobretudo, quando dois ou mais goianos estiverem “engatados” naquela prosa afiada que ora atravessa gerações, ora fica para trás. “O que está na boca do povo vai se perdendo e nos preocupamos com isso. Muito do que ouvíamos quando jovens, não se usa mais. Por isso, o que fizemos foi uma tentativa de preservação”, comenta Armando Honório.

Armando e Ismael ficaram de 2009 a 2016 “assuntando” e anotando termos que dizem do modo como as pessoas se relacionam umas com as outras no trabalho, no lazer, com a natureza, entre outras manifestações culturais. Eles recorreram aos ouvidos, à atenção imediata e também às próprias recordações. “Não há registro sistemático dessa linguagem em lugar algum, sua fonte de pesquisa é a memória das pessoas mais antigas e as conversas casuais do cotidiano presente”, escreve Ismael, no livro.

Fonte: Secom/UFG

Categorias: Eu Faço Arte