Weby shortcut
Icone Instagram
Icone Linkedin
Icone YouTube
Universidade Federal de Goiás

Leite materno combinado à concha é mais efetivo para tratamento de trauma mamilar

Criada em 26/02/15 15:38. Atualizada em 03/03/15 11:39.

Logo Jornal

Publicação da Assessoria de Comunicação da Universidade Federal de Goiás 
ANO XI – Nº 70 – Março – 2015

Leite materno combinado à concha é mais efetivo para tratamento de trauma mamilar

Trabalho de professora da Faculdade de Enfermagem foi vencedor do Prêmio Capes de Tese 2014

Texto: Angélica Queiroz | Fotos: Carlos Siqueira

 

 

Flaviana Vieira explica o uso da concha durante o 3º Congresso Brasileiro de Enfermagem Neonatal

 Flaviana Vieira explica o uso da concha durante o 3º Congresso Brasileiro de Enfermagem Neonatal

 

Desde que trabalhou como enfermeira de saúde da família em Belo Horizonte - MG, uma pergunta inquietava a professora da Faculdade de Enfermagem (FEN) da UFG, Flaviana Vieira: “Qual o melhor tratamento para as lesões do mamilo durante a amamentação?” A resposta poderia embasar cientificamente a assistência prestada pelos profissionais de saúde envolvidos nessa área. O questionamento direcionou o tema da pesquisa de doutorado, que foi vencedora do Prêmio Capes de Tese 2014. O trabalho foi orientado pela professora Maria Márcia Bachion e coorientado pela professora Dálete Delalibera Correa de Faria Mota, do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da UFG.

Flaviana Vieira conta que percebeu, enquanto professora, pesquisadora e enfermeira, que algo precisava ser feito para ajudar as mães e seus bebês na fase de amamentação, especialmente nos primeiros dias pós-parto. “A maioria das mulheres tem desejo de amamentar, mas existem eventos que as levam ao desmame precoce, sendo um dos principais o trauma mamilar, causado principalmente, pela técnica incorreta de amamentação”, relatou.

A professora então resolveu pesquisar uma forma de reduzir o tempo de cicatrização da mama com um tratamento de baixo custo. “Muitas mulheres acreditam que a lesão é normal, mas não é. A mãe começa a sentir dor e isso faz com que ela protele as mamadas e introduza outros alimentos que não o leite materno, fator de risco para o desmame”, detalhou.

 

Concha mamária

As conchas são utilizadas por baixo do sutiã para proteger os mamilos e coletar o leite que estiver vazando

 

Flaviana Vieira acompanhou 100 mulheres nos seus domicílios nos primeiros 10 dias pós-parto e, por sorteio, indicou a lanolina (pomada natural obtida a partir da cera de lã bruta) para um grupo e o leite materno combinado ao uso da concha para amamentação ao outro. O objetivo era comparar qual dos dois tratamentos era o melhor. De acordo com os resultados desse ensaio clínico, o leite materno combinado à concha se mostrou mais efetivo e acessível à redução da dor e da cicatrização do trauma mamilar.

Para a professora da FEN, o objetivo agora é disseminar esse conhecimento, para que ele se torne um embasamento científico à prática clínica dos profissionais envolvidos com a área da amamentação, ajudando mães e bebês na satisfação com a amamentação e favorecendo o aleitamento materno exclusivo.

Por isso, Flaviana Vieira, por meio de projetos de extensão, publicações de artigos científicos e consultorias, tem capacitado profissionais e alunos para auxiliar as mães no tratamento da dor e do trauma mamilar tão frequentes e que causam tanto sofrimento. Além disso, a professora espera que o protocolo desenvolvido para o acompanhamento domiciliar, nos primeiros dias de pós-parto, seja implementado como uma política pública de saúde.

Infográfico sobre Amamentação correta

 

 

Fonte: Ascom UFG

Categorias: banco de leite leite materno Pesquisa Faculdade de Enfermagem