Weby shortcut
Icone Instagram
Icone Linkedin
Icone YouTube
Universidade Federal de Goiás
saude+

Serviços de Saúde são oferecidos aos trabalhadores da UFG

Criada em 26/04/19 17:55. Atualizada em 29/04/19 12:39.

Vacinação, aferição de pressão arterial e terapias integrativas estavam entre os atendimentos disponíveis

Beatriz de Oliveira

Com uma equipe multiprofissional e com o objetivo de pensar a saúde, segurança e satisfação no trabalho, foi realizada sexta-feira (26/04) mais uma edição do Programa Saúde do Trabalhador UFG+, na Escola de Música e Artes Cênicas (EMAC). O evento ofereceu uma série de serviços aos trabalhadores da UFG, incluindo aposentados e terceirizados. E foi realizado em parceria entre a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Propessoas), a Diretoria de Atenção à Saúde do Servidor (DASS), o Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor (SIASS) e da Comissão Interna de Saúde do Servidor Público (CISSP) das Faculdades de Nutrição (Fanut) e Enfermagem (FEN).

saude+

Quem compareceu ao evento pôde se vacinar contra a gripe e ter a sua pressão arterial aferida e glicemia capilar medida. Além disso, foram oferecidos testes de tipagem sanguínea; testes rápidos para sífilis, HIV e hepatite B e C; cálculo de IMC e orientação nutricional; massagem e aromaterapia e terapias integrativas, como a auriculoterapia. “Nós trazemos esse trabalho para mostrar que podemos cuidar da nossa saúde, podemos cuidar da nossa segurança, e que também somos responsáveis pela nossa satisfação no trabalho”, disse Camilla Alves Pereira Rodrigues, coordenadora do Programa. Ela explicou também que muitas vezes a falta de tempo impede que os trabalhadores cuidem de sua saúde e procurem médicos, e que, ao identificarem durante a atividade problemas como pressão alta ou obesidade, o evento se torna um alerta para a necessidade de se cuidar da própria saúde.

vacina

O coordenador do evento, professor Marcos André de Matos, da FEN, enfatizou a importância da parceria com o SINT-IFES e a Adufg para a realização do evento, além da Secretaria de Estado da Saúde, que disponibilizou as vacinas e os insumos para realização dos testes rápidos. “Sem esses parceiros seria inviável prestar esses cuidados, que são feitos de forma integral e holística. Por isso fazemos o cadastro do servidor, justamente para acompanhar a sua saúde”, afirmou. Clarissa de Oliveira Milani, que trabalha na reitoria, apoiou o programa, e disse que o considera importante. “Ainda mais pela questão da vacinação da gripe, porque entramos em contato com muitas pessoas, mas não estamos incluídos no grupo que tem direito à vacina. E também para a pessoa ver que tem que tomar conta da saúde, para ter esse incentivo”.

Os participantes puderam também ouvir os grupos de corais Vozes de Goiânia e Vozes do Cerrado, que são formados por servidores aposentados. Regidos pelo maestro Gil, eles cantaram clássicos do samba, música popular brasileira e sertanejo de raiz. Maria Lucimar Mendanha dos Santos, integrante do projeto, destacou a importância de atividades culturais para a saúde dos aposentados, que ganham um novo propósito. “Isso traz alegria, harmonia, novos conhecimentos e voltamos para casa em paz, sabendo que fez algo de útil. E eu acho que se canta para os anjos, e é por isso que eu canto”.

coral

Fonte: Secom / UFG

Categorias: Institucional