Weby shortcut
Icone Instagram
Icone Linkedin
Icone YouTube
Universidade Federal de Goiás
Projeto Politizar

Politizar Goiânia inicia a simulação dos jovens vereadores na Câmara Municipal

Criada em 03/12/19 12:58.

Entre 4 e 7 de dezembro alunos de ensino médio vivenciam o cotidiano de vereadores

 

Após a intensa programação do treinamento, que se deu na segunda semana de novembro, composta, principalmente, por palestras voltadas ao poder legislativo, chega a fase mais importante do projeto Politizar Goiânia: a simulação. Com uma programação de 4 dias, nessa etapa, os vereadores simulandos terão a eleição da mesa diretora, eleição das presidências das comissões, além de apresentarem, defenderem e votarem seus respectivos projetos de lei na tribuna. Vale lembrar que existe a possibilidade dos participantes contribuírem para a sociedade, caso tenham algum projeto adotado pelos vereadores da Casa e, se aprovado, colocado em prática.

Ao todo, foram elaborados 10 projetos de lei, dos 35 estudantes selecionados para compor a bancada de vereadores na 1ª edição do Politizar Goiânia. Os temas são variados, com maior quantidade de textos voltados para meio ambiente e acessibilidade. A 1ª votação dos projetos em plenário ocorre na quinta-feira, 5 de dezembro, enquanto que a 2ª votação acontece na sexta-feira, seguido de uma coletiva de imprensa que encerra o terceiro e penúltimo dia da simulação.

Nesta 1ª edição do projeto na Casa dos Vereadores, a cerimônia de encerramento será aberta ao público, no sábado, 7 de dezembro, contando com a presença do reitor da UFG, Prof. Edward Madureira, o presidente da Câmara Municipal de Goiânia, GCM Romário Policarpo, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, Lissauer Vieira, além de alguns vereadores que compõem a casa.

É a primeira vez que uma estudante com deficiência auditiva tem participação no projeto. Cibele Furtuoso, de 16 anos, passou a ter interesse em participar do Politizar Goiânia, quando refletiu sobre a necessidade de ocupar espaços nos quais possa defender as pessoas. A aluna teve a chance de participar graças a uma parceria firmada com a Faculdade de Letras da UFG, que disponibilizou três intérpretes da instituição para acompanharem e auxiliarem Cibele em sua jornada como vereadora simulanda.

Iniciativa da Universidade Federal de Goiás, o Politizar Goiânia trata-se de um projeto de extensão da UFG, em parceria com a Câmara Municipal de Goiânia. Nele, 35 estudantes do ensino médio terão a oportunidade de atuar, na simulação, como vereadores da Casa Legislativa Municipal, aproximando-se da prática política e tornando-se protagonistas responsáveis pelo presente e futuro da sociedade na qual estão inseridos.

O Projeto Politizar Goiânia foi inspirado no convênio entre UFG e Assembleia Legislativa de Goiás, o Politizar UFG Alego, que em sua 4ª edição, teve um número recorde de inscritos, com mais de 500 interessados em participar. Diferentemente da versão da Câmara, o Politizar da Alego conta com 41 deputados, 41 assessores parlamentares e 6 jornalistas políticos, somando um total de 88 simulandos, todos com ensino superior completo.

 

Fonte: Secom UFG

Categorias: Humanidades