Weby shortcut
Icone Instagram
Icone Linkedin
Icone YouTube
Universidade Federal de Goiás
noticia1320426973.jpg

Comunidade quilombola recebe membros de várias unidades acadêmicas da UFG

Criada em 05/11/11 01:43. Atualizada em 21/08/14 11:45.
Cerca de 80 membros da instituição, entre alunos, docentes e servidores técnico-administrativos, participaram do projeto de extensão, que promoveu ações comunitárias

 

No dia 24 de setembro, realizou-se a primeira ação do Projeto Kalunga Cidadão, iniciativa organizada pela Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ), em parceria com mais nove unidades acadêmicas da UFG. Cerca de 80 membros da instituição, entre alunos, docentes e servidores técnico-administrativos, participaram do projeto de extensão, que consistiu em promover ações comunitárias, no intuito de melhorar as condições de vida da comunidade quilombola Engenho II, no município de Cavalcante em Goiás. Confira alguns registros que marcaram aquele dia.

 

 

Apresentação da trupe de teatro Grupo Arte Quilombo MATEC, formada por crianças e adolescentes da comunidade. A peça contou a história da criação dos quilombos da região, propondo um resgate da cultura local e ressaltou o orgulho e respeito pelos ancestrais.

 

Durante o dia de Ação da UFG na comunidade, várias crianças acompanharam as atividades. Orientadas por monitoras as crianças seguiram até o local onde profissionais da saúde realizaram avaliações médicas simples. Mais tarde, as crianças puderam brincar e colorir desenhos enquanto aprendiam com os estudantes do curso de Odontologia a cuidar da saúde bucal.

 

Um bar e pequena venda, localizada na comunidade do Engenho II. Local onde moradores se reúnem para conversar no fim da tarde.

 

O almoço para as quase 200 pessoas que estiveram presentes no dia das atividades foi preparado por algumas das mulheres da comunidade. Estudantes do curso de Nutrição também auxiliaram as cozinheiras a elaborar o cardápio servido.

 

Visão geral da comunidade do Engenho II. Localizada na zona rural do município de Cavalcante, é uma das várias comunidades quilombolas remanescentes na região da Chapada dos Veadeiros.

 

Leia a matéria completa do jornal impresso.

Fonte: Marina Celestino / Fotos de Carlos Siqueira