Icone Instagram
Icone Linkedin
Icone YouTube
Universidade Federal de Goiás
Bianca Pataro Dutra

LUPA discute as transformações culturais causadas pela Covid-19

Criada em 24/06/20 09:20. Atualizada em 24/06/20 09:22.

Grupo de Pesquisa recebeu a antropóloga Bianca Pataro, que avaliou os costumes tradicionais durante pandemia

Augusto Araújo

O Grupo de Pesquisa "Lugares e Patrimônios" (LUPA) deu início ao "I Colóquio LUPA", em que os integrantes do grupo apresentam suas pesquisas realizadas nos últimos anos ou que ainda estão em andamento, de forma totalmente virtual. As pesquisas abordam questões de lugares, patrimônio cultural, e as dinâmicas materiais e simbólicas que integram as formas de apropriação do espaço. As palestras começaram a ser ministradas nesta segunda-feira (22) e ocorrerá até a sexta-feira (26).

Bianca Pataro Dutra
Encontros online apresentam os estudos do Grupo de Pesquisa "Lugares e Patrimônios" (LUPA)

Nesta terça-feira (23), a antropóloga Bianca Pataro Dutra trouxe para debate a palestra "Rituais coletivos e isolamento social: uma guinada na preservação dos bens imateriais?". Na apresentação, foi discutido como a pandemia da Covid-19 pode transformar os nossos costumes coletivos. Tais práticas e manifestações foram descritos por Bianca como patrimônio imaterial, algo que "não existe sem interações humanas".

A pesquisadora citou como exemplo algumas festas tradicionais religiosas, que estão sendo realizadas de forma remota neste contexto de isolamento social. "Esta é uma forma de manter o patrimônio vivo, dizendo que ele existe, mas foi interrompido devido à pandemia", argumenta a palestrante.

Além disso, a antropóloga destaca que o dinamismo da cultura, que nunca é estática, pode ser fundamental na criação de novos valores e sentidos na dinâmica social de um grupo, incorporando uma transformação nestes rituais tradicionais.   

  

Fonte: Secom-UFG

Categorias: Humanidades